Skatista profissional Paul Rodriguez.





Marcar como favorito    Publicado por:    ·   03/07/2014 às 20:07    Videos



Matéria especial com o skatista profissional Paul Rodriguez vídeo apresentado pela Target um dos seus principais apoios, neste vídeo ele conta um pouco sobre sua vida e as realizações que o levou a realizar seu maior sonho de se tornar um dos principais skatistas do mundo .





Paul Rodriguez nasceu em Chatsworth, Califórnia no dia 31 de Dezembro de 1984, também conhecido também como P-Rod, skatista profissional e ator. Paul Rodriguez ganhou um total de seis medalhas nos X Games, sendo quatro delas de ouro (o recorde atual para a categoria "street").
Tornou-se profissional: 2002
Famoso por ser um dos melhores a andar de Switch.
O pai de P-Rod é o famoso comediante Paul Rodriguez. quando ele tinha 12 anos, o pai de Paul lhe comprou seu primeiro skate por US $ 30 (o pai afirmou no ano passado que foi um dos melhores investimentos que ele já fez!). Paul conseguiu seu primeiro patrocinador. Ele está feliz com sua vida, e se sente como ele já realizou seu sonho. Paul é um cristão sincero, e tem uma tatuagem de Jesus no braço, e diz: "Deus não está esperando por mim para ser perfeito ..."
Citação de Paul Rodriguez:
"Meu objetivo, meu sonho já se tornou realidade. Sonho de todo garoto é se tornar um skatista profissional, sabe? Não só eu me tornar um skatista profissional, mas, para mim, pessoalmente, eu conto com os melhores patrocinadores que existem. Isso é ainda mais do que eu esperava... Comecei a andar de skate, porque eu amo andar de skate. você tem que tomar cuidado, pois chegará um ponto em que você não vai mais poder fazer isso." (Skateboarder Mag, setembro 2004)

no site oficial do skatista tem muito mais informações sobre ele http://prod84.com/about-me/

Paul Rodriguez legenda do video:

Quando eu era criança eu jogava na mini-liga de baseball e queria ser igual a Nolan Ryan vou tocar guitarra igual ao Jimmy Hendrix, vou lutar karate! Vou ser igual ao Bruce Lee, vou ser o melhor skatista que já existiu. Vou ser igual o Eric Koston. Tenho 12 anos, então como acho um baixista, um baterista? Quero montar minha banda! Preciso fazer aula de karate, ter um professor, ter disciplina Tenho que fazer parte de um time, usar um uniforme e existem tantos outros fatores que é preciso envolver outras pessoas nos seus planos não dá pra simplesmente fazer as coisas acontecerem quando dá na telha. Desde criança, sempre que eu ganhava algo novo seja um par de sapatos novos ou um shape novo sempre na primeira noite ou na primeira semana, eu dormia com o objeto eu costumava ficar de bobeira na skate shop Valley Skate & Surf ela ficava na rua de baixo da minha casa, era só pular a cerca do jardim e atravessar a rua e eu era aquela criança chata que ficava na loja fazendo um monte de perguntas Qual é o melhor shape? Como faz essa manobra? E aquela outra? Que legal! Posso ver isso? E eu nunca comprava nada! As crianças mais velhas que andavam pela skate shop ficavam andando num corrimãozinho na frente da loja e eu ficava lá só assistindo e assistindo até que um dia eu ouvi que eles iam abrir um processo seletivo para o time aí fui lá pra assistir a seleção mas não participei, não sei se é porque eles tinham ido com a minha cara na época, mas perguntaram "Ei, quer fazer parte do time?" eu respondi "Sério? " eles "Sim! A gente te coloca no 'Time C' " Eu nem acho que realmente existia um "Time C" acho que eles só repararam que eu estava extremamente interessado no skate e pensaram "ah, vamos falar pra ele que tem espaço no Time C" mas pra mim foi bom o suficiente!
Eu não tinha nem 1 ano de skate e a sensação foi de, "Oh meu Deus! Estou fazendo progresso!" foi minha primeira realização!
Foi tipo quando um tubarão percebe que tem uma gota de sangue na água, imagina a emoção de um menino de 13-14 anos que estava louco pra dar o primeiro passo. Foi animal!
Com sorte, eu era jovem e ingênuo o suficiente pra me convencer de que era esse o caminho Pensei, "Continuo avançando? Sim! Com certeza absoluta vou continuar progredindo" minha próxima grande realização foi o "Heath Mo", Heath Brinkley (videomaker). O Heath me chamava pra andar com ele e assim conheci o Ryan Denman, ele andava pela City Stars na época
O Denman começou a encher o saco do pessoal da City Stars: o Joey Suriel, Kareem (Campbell) "Cara, temos que trazer esse menino pro time!"
Aí um dia o Denman me perguntou, "Ei, você andaria pela City Stars?" "O que?!? Sim!" Meu objetivo não era apenas ser um skatista profissional eu queria ser do nível do (Eric) Koston tipo, você não sonha em ir pra NBA e ser um cara mediano você sonha em ser o Michael Jordan! Em ser o Kobe (o'Bryant)!
De repente eu estava indo bem na direção de onde eu estava mirando eu não conseguia acreditar que era verdade não foi uma manobra específica que fiz e de repente eu virei profissional eu lembro que eu estava sentado na calçada do El Pollo Loco, lugar que eu frequentava bastante e eu recebi uma ligação do Joe Suriel dizendo "Vamos te tornar Pro no Trade Show de Setembro" a única coisa ruim foi ele ter me contado 5 meses antes! tive que esperar os 5 meses mais longos da minha vida, mas durante aqueles 5 meses algumas coisas na City Stars começaram a dar errado. Eles tinham um time muito bom, estavam indo bem, todo mundo falava da marca mas não estavam prestando muita atenção na nossa carreira...
Então decidi sair
Eu não tinha nada em mente, não estava conversando com nenhuma empresa de shape eu estava confiante de que eu conseguiria um patrocinador então fiquei algumas semanas sem patrocínio... E eu dei muita sorte, pois muita gente me convidou pra andar por eles fiquei lisonjeado com tantas ofertas que eu não sabia qual delas eu aceitaria então eu deixei rolar por um tempo...
Aí um dia eu estava andando de skate com o Eric Koston e o Atiba Jefferson depois da session a gente pegou o carro e foi comer um lanche eu estava no banco de trás e o Koston virou e perguntou "E aí? O que acha de andar pela Girl?" Cara! O Eric Koston, pra mim, não é apenas meu ídolo, ele é meu modelo pra vida. Eu sempre estudei tudo o que ele fez, eu amo esse cara, É meu skatista favorito. Ponto final aí eu respondi... Sim! "É claro!!"
Assim que eu falei que sim ele pegou o telefone ele não falou nem "Alô", foi apenas um "Conseguimos ele!" foi só isso: "Conseguimos ele!" e foi assim que eu me tornei Pro.
E não apenas isso, mas me tornei Pro pela melhor empresa. Ponto.
E foi nesse momento que meu sonho se realizou. Nesse momento.




Vídeo de skate com legenda em português!










  • Clube do Skate

Novo modelo Nike assinado pelo skatista profissional Paul Rodriguez em sua sexta evolução, modelo traz tecnologia inovadora em amortecimento e solado Chega ao Brasil.



Noticias


  • Clube do Skate

Enfim o skatista Paul Rodriguez esta no Brasil Público terá a oportunidade de andar com os skatistas durante as sessões #skatetodosantodia no Rio de Janeiro e em São Paulo.



Noticias




Na liga Street do ano passado (2011) apresenta algumas voltas do skatista Paul Rodriguez na competição, ele fechou com uma boa apresentação, apesar de ser do ano passado o role vale a pena.




Street League Barcelona 2015 começa em Barcelona e claro que não poderia faltar os grandes nomes da Primitive Skateboard, Paul Rodriguez, Carlos Ribeiro e Nick Tucker em um vídeo completo cmo tudo que rolou com os skatistas da marca de ouro de Prod.




Um vídeo espetacular de Paul Rodriguez, vídeo clássico Street Cinema do ano de 2001, inicio piá pequeno ainda já dominava várias linhas, já despontava para ser o que é hoje, um dos maiores do mundo no esporte.




Mais um breve lançamento do skatista profissional Paul Rodriguez O filme de 2013 gravado no The Berrics aparece lado a lado com a metragem original de 2001 com P-Rod.